teste 6

Agência de publicidade

A sistema4. Tudo começou em 1992.

Desde então, já ajudámos a nascer imensas marcas por quem nos apaixonámos desde a primeira hora. Muitas continuam connosco, algumas fizeram-se à vida e foram procurar novas paixões. É a vida.

A S4. Tudo continua em 2024. 

Sistema4, desculpa, foi tudo por amor.
Nestes trinta e dois anos vivemos tanto e tudo ficou tão próximo e íntimo, que a grande maioria das vezes nos tratámos pelo teu nickname. É uma coisa muito comum entre aqueles que se amam.
Achamos que chegou a hora de contar este nosso pequeno grande segredo ao mundo. O amor é para se viver e a paixão é para se gritar.
Entre nós sempre foste a S4, agora, e porque a paixão é eterna, queremos que o mundo te continue a admirar tal como tu és: aquela agência de publicidade que adora marcas e que gosta de estar bem com tudo e com todos.
S4, brands will be brands, friends will be friends.
Clica aqui para leres como tem sido esta história de amor.

RESPONSABILIDADE SOCIAL

Acreditamos desde a primeira hora, que as empresas têm a obrigação de devolver à comunidade um pouco do que dela recebem. As organizações de apoio social e cultural sem fins lucrativos merecem toda a energia que conseguirmos dar. Pró-bono é uma palavra que faz parte do nosso vocabulário e temos muito orgulho nisso.

 

Mulher Séc. XXI

Leiria vestiu-se de laranja, em 2022, para gritar "Basta! Pelo fim da violência contra as mulheres.", e nós fomos os criadores e fashion advisors da campanha, de nome Orange Leiria, promovida pela Associação Mulher Século XXI. Pintámos um mural junto às escolas da cidade, realizámos um videoclip para a música "Mulher Batida", dos Orelha Negra e da garota Não e desenvolvemos diversas outras peças para sensibilizar os leirienses para a causa.
No ano seguinte, em 2023, foi impossível dizer que não à continuidade do apoio, e adaptámos o conceito a uma nova realidade, a Orange Box, uma loja solidária com presentes surpresa, em que o valor angariado reverteu, na toalidade, para a compra de uma viatura para a operacionalização do apoio às vítimas de violência doméstica.


OncoEnergy

2021 foi ano de abraçar mais um desafio e apoiar uma equipa de investigadores do Politécnico de Leiria no desenvolvimento do OncoEnergy - Manual de Exercício Físico para Pessoas com Cancro.
O OncoEnergy é uma ferramenta pioneira, disponível em formato físico e online, através do canal do youtube, com informações úteis e sugestões de exercícios para pessoas com cancro, com vista a minimizar o impacto negativo desta doença e melhorar a autonomia e qualidade de vida dos doentes oncológicos.


Desprotegidos

Em 2020, decidimos que queriamos apoiar a Desprotegidos - Associação de Animais em Risco, através do nosso calendário de secretárias. Escolhidos os modelos caninos e verificados todos os feriados, iniciou-se um ano a 4 patas, que viria a mudar para sempre a nossa vida. É que, para quem não sabe, foi nesse ano que abrimos a porta à nossa CEO Miss Chili, que tem sido uma inspiração e elemento central da equipa, que contribui ativamente para o processo de criação. 


Festival A Porta

Desde a primeira edição do Festival A Porta que nos sentimos logo em casa, não fosse esta uma iniciativa que promove o diálogo entre a comunidade local e o território que ocupa, com uma programação que pretende encorajar a criação artística e a educação pelas artes.
Em 2018, para nosso regozijo, demos uma mãozinha às mentes brilhantes que, ano após ano, abrem portas em Leiria e surpreendem com atividades e concertos incríveis.


Árvore da Esperança

A Árvore da Esperança foi uma iniciativa da União de Freguesias de Monte Redondo e Carreira, que surgiu após os incêndios de 2017, com o objetivo angariar fundos para ajudar a 5.ª Companhia de Monte Redondo, dos Bombeiros Voluntários de Leiria, que registaram prejuízos avultados com a catástrofe.
O projeto é uma alegoria aos milhares de hectares de floresta ardida na região de Leiria, e foi inspirado na resiliência da natureza e na força dos Bombeiros Voluntários.


APDPK

Fomos desafiados pela APDPK, a Associação Portuguesa de Doentes de Parkinson, em 2010, para fazer um upgrade ao layout da revista “Parkinson”, dedicada aos associados, entre outras peças de apoio à comunicação.
Mais tarde, em 2020, apresentaram-nos mais um projeto aliciante, que nos deixou de coração cheio. Tratou-se do desenvolvimento da Cartilha de Parkinson, com respostas diretas para as 10 questões mais comuns sobre a doença, e uma banda desenhada que aborda a problemática da doença de Parkinson "pelos olhos de uma criança”.


Appc Leiria

Ao longo de 10 anos, entre 2005 e 2015, foram vários os projetos da APPC Leiria - Associação de Paralisisa Cerebral que apoiámos com os recursos possíveis e sempre com muito amor.
Ajudámos a editar 3 Livros (O Pequeno Trevo, O Pequeno Trevo e os Amigos da Rua e O Pequeno Trevo vai à Escola), organizámos 2 Vendas de Garagem e 1 Gala Solidária. O valor angariado em cada uma destas ações reverteu, na totalidade, para as crianças especiais apoiadas pela APPC Leiria.


Amnistia Internacional

Em 2002 desafiaram-nos para dar o nosso apoio nas comemorações da Declaração Universal dos Direitos Humanos, organizadas pelo núcleo de Leiria da secção portuguesa da Amnistia Internacional.
Causas destas amolecem-nos o coração e, como não podia deixar de ser, aceitámos sem pestanejar.
Tratámos de tudo o que estava ao nosso alcance para dar corpo à exposição de fotografia "Retratos de Infância", por Sérgio Claro, e ao espetáculo de angariação de fundos, realizado no Teatro José Lúcio da Silva, e que contou com grandes nomes, como os Anjos, Paulo de Carvalho, Né Ladeiras, H. Feist e Wanda Stuart, Hélder Bruno, Lusotango e Mário Dias.